« Home | Linhas Soltas » | Procurando... » | Pecados Capitais » | O Perigo da Censura Livre » | História de Macacos » | Frustração » | Sentido Ausente » | Vidas e Vidas - O Deleite da Solidão Voluntária » | Dia de muito, véspera de nada » | Gênesis »

O Professor

“É a nossa primeira aula juntos, primavera de 1976. Entro na ampla sala de Morrie e noto a aparentemente incontável quantidade de livros que cobrem a parede, estantes e estantes de livros de sociologia, filosofia, religião, psicologia. No piso de madeira, um grande tapete, e uma janela que dá para a estradinha do campus. Só uns dez ou doze estudantes estão lá, consultando cadernos e programas. A maioria usa jeans, botinas e camisa de flanela com pregas. Penso comigo que não vai ser fácil matar aula numa turma tão pequena. Talvez não devesse ter me inscrito.
- Mitchell? – diz Morrie lendo a lista de presença.
Levanto a mão.
- Prefere Mitch? Ou acha melhor Mitchell?
Nenhum professor me perguntara isso. Dou uma olhada rápida no cara, suéter gola rulê, calça de cotelê verde, o cabelo prateado caindo na testa. Ele sorri.
- Mitch. É assim que meus amigos me tratam – respondo.
- Pois então será Mitch – diz Morrie, como fechando um negócio. – E... Mitch?
- Senhor?
- Espero que um dia você pense em mim como amigo.”

Retirado do livro A Última Grande Lição: O sentido da vida (Tuesdays with Morrie), de Mitch Albom, p.28, 1998. Editora Sextante.

Ih, show de bola! :)
pelo menos esse trexo eh maneiro!
depois vou ter q pegar esse livro ctg!! :>
tava resolvendo coisas... devo postar hj!!!!
:DD

Postar um comentário

Links to this post

Criar um link